Your SEO optimized title



sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Como economizar nos serviços da festa de casamento

Como economizar nos serviços da festa de casamento

Aiana Freitas
Especial para o UOL Economia, em São Paulo

A data da festa e o tipo de contrato assinado com os fornecedores são fatores determinantes para se definir o valor que os noivos terão de gastar com o próprio casamento.

Planejamento e pesquisa, assim, são fundamentais para que o casal não comece a vida a dois já com o orçamento estourado por uma festa em que qualquer serviço custa caro.

"Em festa de casamento, tudo é múltiplo de mil. Nada custa menos de R$ 1 mil", brinca a organizadora de casamentos Larrisa Sgavioli, da Due Assessoria e Cerimonial.

Larissa e a também organizadora de casamentos Renata Basile Beltran dão as dicas para economizar na festa.

Veja 5 dicas para economizar na festa

Planejamento
A festa deve começar a ser planejada pelo menos um ano antes. Esse é o tempo mínimo necessário para se conciliar as datas da festa e da cerimônia religiosa e é também um prazo que permite um parcelamento mais longo das despesas. Isso porque a festa toda precisará estar paga até uma semana antes de sua realização, diz Larissa Sgavioli.

Data
A escolha da data da festa poderá representar um custo a mais ou uma grande economia. Segundo as organizadoras de casamento Larissa Sgavioli e Renata Basile Beltran, maio, setembro e dezembro são os meses mais procurados e, portanto, mais caros. Da mesma forma, sábados são mais caros do que as sextas-feiras, por exemplo.

Pesquisa
"Antes de fechar negócio, pesquise preços e peça referências de pelo menos três fornecedores diferentes", aconselha Larissa Sgavioli. Ela também sugere que o casal procure informações nas redes sociais, onde poderá, até, encontrar noivos dispostos a fazer compras coletivas, divindindo despesas em comum

Pacotes
Segundo as especialistas, a contratação de pacotes completos que incluem o espaço da festa, o serviço de buffet e às vezes até foto e filmagem geralmente sai mais em conta. O Procon de São Paulo alerta, no entanto, que essa é uma escolha dos noivos. A venda exclusiva dos serviços juntos configura venda casada, e é proibida por lei.
Fotografia
Ao contratar o serviço de fotografia, fique atento ao número de fotos. "É interessante contratar um número maior de fotos porque, se o casal contratar menos e depois quiser fotos extras, terá de pagar caro por elas", diz Renata Basile Beltran. Larissa Sgavioli sugere que o casal avalie se vale a pena pagar por produtos como banners e posters.

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário, ele é importante para a melhora do conteúdo deste blog. Obrigada!!!

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Related Posts with Thumbnails
AVISO IMPORTANTE!!!
Muitas fotos são retiradas da Internet, não são de minha autoria, são reproduções e não pretendem ferir nenhum direito de uso de imagem.
Se você detém algum direito autoral sobre alguma foto ou material postado aqui, entre em contato comigo, eu o removerei ou colocarei os devidos créditos.
Obrigada!!!!
 
// As matérias com imagens devem ficar no lugar deste comentário. //
// As matérias com imagens devem ficar no lugar deste comentário. //